terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Resenha: A Condessa Cega e a Máquina de Escrever

A Condessa Cega e a Máquina de EscreverNascida em uma família rica e tradicional, a condessa Carolina Fantoni descobre, aos 18 anos, que está ficando cega. Sem saber o motivo, ela perde a visão aos poucos, e quando tenta contar aos pais e ao noivo o que está acontecendo, ninguém a leva a sério. Somente Turri, um excêntrico inventor de quem é amiga desde a infância, entende a gravidade da situação e lhe dá um presente muito especial: uma máquina de escrever criada por ele para que ela possa se comunicar por carta com quem quiser, sem a ajuda de ninguém.
Em seu aniversário de sete anos, Carolina ganhou do pai um lago construído em um trecho isolado da propriedade da família. Apaixonada pela solidão, a menina tinha permissão para passar dias e noites em uma pequena cabana construída às margens do lago. É lá que ela se torna amiga de Turri, um rapaz dez anos mais velho e muito criativo, vizinho dos Fantoni.
Os anos passam e a amizade entre Carolina e Turri se torna cada vez mais forte. Ele faz questão de mostrar a ela suas invenções e os dois ficam horas conversando. Mas, quando a filha cresce, o casal Fantoni passa a ver com desconfiança essa relação, especialmente depois que Turri se casa com Sophia, cinco anos mais moça do que ele, e Carolina fica noiva do jovem Pietro. Ainda assim, os dois conseguem manter contato, encontrando-se no lago, mesmo depois da visão da condessa ser praticamente tomada pelas sombras que aumentavam cada vez mais rápido.
Carey Wallace cria uma trama de amor, amizade e companheirismo, que conquista e envolve os leitores aos poucos, na mesma proporção em que aumentam, na história, o afeto entre Carolina e Turri e a cegueira da protagonista. A condessa cega e a máquina de escrever mistura elementos dos romances góticos e vitorianos para revelar a construção do amor e o triunfo da imaginação sobre as adversidades. ( Skoob )


Oi, Pessoas!!!!

Quando encontrei com esse livro nas prateleiras da Livraria Atlântica simplesmente me apaixonei. A capa é linda... as cores... a borboleta e para arrematar a sinopse me encantou de cara!!! 

Em Breve...






domingo, 18 de janeiro de 2015

Artista Leitor # 01 - 2015

Oi, Pessoas!!!


Olha que coisa mais linda o meu amado e idolatrado Andrew 'Perfeito' Lincoln, andando distraidamente pelo aeroporto segurando aquele que é nosso objeto de amor eterno - um livro. Fala sério... poderia ser mais divo? rs... 

É gente... não basta ser lindo, tem que ser culto *-*  ♥  

Esta que vos fala fez um verdadeiro trabalho de detetive...rs... quase digno de Sherlock para descobrir qual seria o interesse literário do meu amado e olha só o que eu descobri... 

O livro que ele leva na imagem é Armadilha no México, do Len Deighton ... Nunca li. Nem sabia que existia mas acho que é interessante folhear as páginas que povoam o imaginário do artista que você ama. Então, adivinha só... rs... Comprei!!!! Achei lá na Estante Virtual... É uma edição de 1987 mas está bem conservado... pelo menos foi isso que disse a descrição. Assim que chegar posto foto aqui. A sinopse que li no Skoob também me atraiu, mesmo que só uma pessoa de lá tenha lido ;D 
Abaixo uma sequência das fotos no aeroporto... Bora suspirar minha gente... rs... 

Diz aí... Precisa fazer biquinho? OMG! 

Eu nem curto olho claro, mas esses olhos... OMG!

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Tag: Problemas de Leitor

sunsetsbox:









Night Thoughts by Terra1100



1. Você tem 20 mil livros para ler. Como você decide o vai que ler?

Não é fácil escolher. Sempre fico no dilema...rs Mas, geralmente, gosto muito de ler na empolgação. Então, opto pelos livros que estou querendo muito. Muitas vezes são continuações de alguma série. 

2. Você está no meio de um livro, mas não está gostando. Você para ou continua?

Olha, algumas vezes eu até dou uma parada. Sigo lendo outros livros e tal, mas eu sempre volto. Não gosto de abandonar livros. Ficaria louca pensando se ele melhorou ou não do meio pro fim...rs 

3. O fim do ano está chegando e você está perto, mas não tão perto de finalizar sua meta de leitura. O que você pretende fazer e como?

Isso não é problema pra mim. Graças a Deus...rs já me libertei desse calvário. Agora aceito na boa que "a vida" tem seu próprio curso e nós que trabalhamos estamos sujeitas a alguns percalços. Não vale a pena se cobrar pelo que não tinha como evitar. 

4. As capas de uma série que você ama são horríveis! Como você lida com isso?

Isso me incomoda muito. Já fiz até post sobre isso. Eu adoro uma capa diva... quem não? rs Uma das séries que eu gosto muito e que tem capas horríveis a série da Richelle Mead - Succubus... Minha gente, o que é aquilo? rs... Também odeio quando mudam o estilo da capa no decorrer da série. Fizeram isso com os livros da série Dexter e fiquei louca! hahaha ... Como eu lido? Aceito porque não tem jeito a dar mas não sem reclamar um bocado com quem estiver por perto hahaha 

5. Todo mundo, incluindo sua mãe, gostam de livro que você não gosta. Como você compartilha esses sentimentos?

Não tenho problema com isso. Odeio gente intolerante! Fico impressionada com alguns tipos de leituras mas enfim, cada um com seu gosto e todo mundo lendo...rs 

6. Você está lendo um livro e você está prestes a começar a chorar em público. Como você lida com isso?

Aí não tem jeito - eu choro mesmo...rs Não sou uma pessoa que fique envergonhada de chorar ou sorrir em público... Claro que às vezes, você acha que ninguém tá notando e quando você levanta o rosto, tem alguém te encarando com aquele olhar recriminador "aff... tá chorando por causa do livro?" mas mesmo assim não me intimido... se tiver triste, eu choro... se for engraçado, me acabo de rir... =P

7. A sequência do livro que você ama acabou de sair, mas você esqueceu parte da história anterior. Você lê o anterior novamente? Pula para a sequência? Lê uma sinopse ou resenha? Chora de frustração?!

Depende. Se for um livro que tenha demorado muito para sair a continuação, eu leio novamente. Do contrário, eu sigo a minha leitura normalmente. No geral, a gente sempre lembra alguma coisa e a própria sequência te faz recordar o que não lembrava detalhadamente. Mas já chorei de frustração com a demora das editoras para lançar sequências...  

8. Você não quer que ninguém, NINGUÉM, pegue seus livros emprestados. Como você educadamente diz às pessoas NÃO quando eles perguntam?

Hahahahaha... Gente, eu tenho uma plaquinha bem educada no meu quarto que diz: "Não empresto LIVROS!" Acredite, fui obrigada a fazer isso porque as pessoas são muito sem noção. Sabem que você odeia emprestar porque elas não tomam cuidado mas mesmo assim pedem emprestado. Depois da plaquinha melhorou muito... =D 

9. Déficit de Atenção. Você não conseguiu ler os livros que queria no último mês. O que você faz para voltar a ler mais?

Algumas vezes eu não consigo ler a minha meta... não por déficit de atenção mas por falta de concentração (e vc deve estar pensando não é a mesma coisa? Não mesmo). Por exemplo, quando estou com algum problema para resolver, não consigo me concentrar, se não consigo me concentrar não consigo ler e muito menos resenhar... Só consigo escrever quando estou feliz... Ano passado mesmo eu li vários livros que não resenhei aqui porque não estava feliz para escrever resenhas a altura do que foi lido e não gosto de escrever nada de qualquer jeito... Respondendo... não faço nada. Espero o problema passar e aí, tudo volta as boas! 

10. Há muitos livros novos que foram lançados e que você está morrendo de vontade de ler! Quantos deles você realmente compra?

Aí complica tudo...rs Eu tenho várias listas de desejo e quase nunca compro o que está nela. Nunca lembro de levá-las quando vou às compras... Geralmente eu vejo algum livro ... bate amor e levo! rs Ou milagrosamente, lembro de algum que queria... Ah, lembro e compro sempre as sequências...  

11. Depois de ter comprado os novos livros que você tanto queria, quanto tempo eles ficam em sua prateleira antes de você realmente ler?

Depende... Alguns eu coloco na estante e levo um tempão para ler... outros eu leio em desespero na mesma hora que chegam... Foi assim com As Crônicas do Gelo e Fogo - os três primeiros volumes. Comprei os demais mas ainda não conclui porque foi um mata mata de enlouquecer aquele volume 3 ... fiquei em estado de choque.  


Eu vi no canal da Pam e de lá peguei as fontes:


quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Melhores Momentos - Séries de TV


Primeira Temporada

Oi, Pessoas!!!

Tô feliz de publicar mais uma loucura do meu amado Sherlock/JonnyLee. Muitas pessoas criticam a construção do seu Sherlock em Elementary mas eu não. Acho perfeito! Tão louco e egocêntrico quanto todo Sherlock deve ser, mas tem uma doçura incrível que não há como resistir. 

Adoro todas as vezes em que ele disse... "Posso mudar. Por você, Watson. Pelo nosso trabalho." Ownnnn... *-* 



"Para referências futuras,
 quando eu disser que eu concordo com você, 
isso significa que eu não estou ouvindo."
                                                                      - Sherlock Holmes

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Filme: A Verdade Nua e Crua

Título Original: The Ugly Truth

Ano: 2009

Duração: 96 min

Direção: Robert Luketic

Gênero: Comédia Romântica

Elenco: Katherine Heigl, Gerard Butler, Cheryl Hines, John Michael Higgins, Nick Sarcy, Bree Turner, Eric Winter...





Oi, Pessoas!!!

Hoje temos...  A Verdade Nua e Crua. Não é aquele filme que vai mudar sua vida, nem aquele que te fará considerá-lo um favorito. É um filme divertido. Daqueles que você ri bastante e termina de ver com a sensação de "Ops, consegui relaxar... "

O filme conta a história de Abby, uma bem-sucedida produtora de tv na casa dos 30 e Mike Chadway um descolado apresentador de um programa da tv a cabo. 



Após um dia cansativo de trabalho, cheio de cobranças e sem muitos resultados, Abby chega a sua casa decidida a elaborar soluções para a sua grade de programação. Infelizmente, o seu gato Dartagnan tinha outros planos...rs Ele pisa no controle da tv e a direciona para o programa "A verdade Nua e Crua", apresentado por Mike. 



Enquanto ele detona as expectativas que todas nós criamos de encontrar um cara decente, Abby resolve ligar para o programa e dizer a ele que nem todos os homens são limitados e cafajestes como ele... A conversa dura um bom tempo e parece que rendeu bons frutos para Chadway, elevando a audiência do seu programa. 

Acredite, a parceria deu tão certo entre os dois, que se debatiam sem pudores sobre as diferenças entre os sexos, que Chadway terminou sendo contratado pela emissora em que Abby trabalha. 



Abby é obrigada a trabalhar com Chadway e juntos tentam elevar a audiência do programa de informações matutino. O programa tem como âncoras - Georgia (Cheryl Hines) e Larry (John Michael Higgins)... que além de trabalharem juntos forma um casal em crise e serão as primeiras vítimas de Mike no programa A verdade Nua e Crua, onde terão seus problemas conjugais discutidos ao vivo e totalmente a revelia de Abby... É uma das melhores cenas do filme pra mim porque nada como termos bons coadjuvantes e esses dois são divos *-* <3



A partir daí, mesmo não gostando Abby e Chadway decidem cooperar um com o outro. Tudo pelo bem da audiência e desde que Chadway a ajude a conquistar Collin, um médico gato e perfeito que agora é vizinho de Abby.



Os dois se envolvem em muitas situações engraçadas mas meio forçadas ao meu ver... Como disse o filme não é um primor mas dá pra rir bastante. Achei que houve bastante química entre os dois, mesmo eu achando que o Gerard combina mais com filme de ação...rs. 



Preciso mais uma vez, chamar a atenção para a deliciosa atuação dos coadjuvantes. A Bree Turner que faz a melhor amiga de Abby está ótima e além do casal de âncoras, temos o chefe de Abby que é PERFEITO! Adoro a cena que ele se desespera com os palavrões e o teor sexual de uma conversa que está sendo transmitida ao vivo... é muito boa!



Eu realmente não sei explicar o porquê dele não ter me conquistado totalmente. O fato é que terminei com a sensação de "faltou alguma coisa". Mas se não tem nada pra fazer? Veja. O filme é legal e vai te distrair na boa!

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Música da Semana 2015 #02



Oi, Pessoas!!

Eu inventei de rever Glee, da Primeira à Quarta Temporada e só faço chorar. Haja lencinho! Que saudades do Cory Monteith. Até agora é difícil acreditar que ele se foi. 

Resolvi então, colocar aqui uma de suas lindas performances na série. Adoro essa cena dele cantando para a ultrassom do filho, ela faz parte do Episódio 10 da Primeira temporada... *-* ♥  

Sempre gostei do Finn porque ele só tinha tamanho mas era um doce. Aquele cara gato que nem tem noção do quanto é divo... Um amigo presente, um namorado fiel ... por isso quis dividir essa cena com vocês... porque ele tá mais doce que nunca... 



Glee - I'll Stand By You (Extended Performance)

Eu Estarei do Seu Lado

Oh, porque você parece tão triste?
Há lágrimas em seus olhos
Venha e venha para mim agora
Não tenha vergonha de chorar
Deixe-me compreender você
Porque eu passei pelo pior também
Quando a noite cai sobre você
Você não sabe o que fazer
Nada que você confesse
Poderia me fazer te amar menos

Eu estarei do seu lado
Eu estarei do seu lado
Não deixarei ninguém te machucar
Eu estarei do seu lado

Então se você está louco, fique louco
Não guarde tudo isso dentro de você
Venha e fale comigo agora
Hey, o que você tem para esconder?
Eu fico irritado também
Bem eu sou muito parecido com você
Quando você está em uma encruzilhada
E não sabe qual caminho escolher
Deixe-me ir junto
Porque mesmo que você esteja errada

Eu estarei do seu lado
Eu estarei do seu lado
Não deixarei ninguém te machucar
Eu estarei do seu lado
Leve-me, nas suas horas mais escuras
E eu nunca vou te abandonar
Eu estarei do seu lado

E quando...
Quando a noite cai sobre você, baby
Você está se sentindo totalmente sozinha
Você não estará sozinha

Eu estarei do seu lado
Eu estarei do seu lado
Não deixarei ninguém te machucar
Eu estarei do seu lado
Leve-me, nas suas horas mais escuras
E eu nunca vou te abandonar
Eu estarei do seu lado
Eu estarei do seu lado
Não deixarei ninguém te machucar
Eu estarei do seu lado
E eu nunca vou te abandonar
Eu estarei do seu lado
Eu estarei do seu lado
Não deixarei ninguém te machucar
Eu estarei do seu lado

Fonte: Letras 

domingo, 11 de janeiro de 2015

Filme: Afinado no Amor

Afinado no Amor (The Wedding Singer) - Poster / Capa / CartazTítulo Original:
The Wedding Singer

Ano: 1998

Duração: 95 min

Direção: Frank Coraci

Elenco: Drew Barrymore, Adam Sandler, Christine Taylor, Billy Idol, Matthew Glave e ...




Oi Pessoas!!

Então, domingo é dia de visitar a família e lá fui eu pra casa da minha mom... Não lembro se já mencionei aqui mas não tenho tv a cabo. Nunca fiz questão porque sou a maluca do dvd...rs Eu sempre vou comprar o filme mesmo porque gosto de ver e rever meus amados filmes várias vezes. Bom, o fato é que lá em mainha tem e eu gosto de sentar com a minha mãe para ver filmes. Principalmente, porque como ela nem ouve, nem enxerga direito eu vou explicando o filme pra ela   *-* ♥. 

Hoje, nós vimos Afinados no Amor. Ultimamente tenho descoberto vários filmes antigos , que não sei porque não havia visto antes. Este é um deles. 

Que filme fofinho! Nele vamos acompanhar a história de Julia (Drew Barrymore)  e Robbie (Adam Sandler). Adoro a parceria desses dois. Como não amar? Sintonia perfeita! Então, Robbie é um cantor de cerimonias e Julia é uma garçonete de eventos. 


Os dois se conhecem quando participam de um evento desses - um casamento. Robbie gosta de cantar músicas que foram sucesso nos anos 80. Embora gostem da companhia um do outro e surja aquela atração instantânea, os dois estão comprometidos com outras pessoas. 


Robbie vive no porão da casa da sua irmã, pois a vida de cantor não rende muito e mesmo dando aulas particulares de canto ele não consegue o suficiente para se sustentar. Ele namora Linda, uma criatura sem noção que se acha e gostaria de namorar um rock star e que por isso mesmo abandona Robbie. Deprimido ele compõe umas músicas bem loucas sobre sua ex...rs 

Enquanto organiza seu próprio casamento Julia se aproxima cada vez mais de Robbie... Julia ouve seus desabafos sobre Linda e fala sobre seus planos de casamento com Glenn. Tudo o que percebemos é que ambos fizeram péssimas escolhas quanto a seus parceiros. Enfim, você não pode deixar de conferir esse filme. As atuações são fofas, a história é muito meiguinha... o tipo de filme que não se faz mais hoje em dia. Vale muito a pena! 

A trilha sonora do filme é maravilhosa e todo esse visual anos 80 é muito legal. Não tem como não dar boas risadas com os coadjuvantes que são todos maravilhosos.

Recomendo muito!  

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...